Marcha para Jesus em Joinville 2016 - Cobertura

Por Charles A. Müller* - pelo oitavo ano consecutivo, Joinville marchou para o Senhor Jesus, celebrando e intercedendo unida por nossa cidade. Amostra de uma nação que tem em Jesus Cristo o seu Senhor.

A Marcha para Jesus em Joinville, edição 2016, ocorreu no sábado, 02 de Julho. Segundo os organizadores, foi estimado um público de cerca de 10.000 pessoas, lotando as ruas centrais de Joinville. Fora algo que não se pode estimar - o quanto de pessoas foram abençoadas pelas orações lá feitas, cujo alvo foi toda a cidade.

A Marcha fez parte da 2ª Semana Social e Cultural Evangélica de Joinville, que já integra o calendário oficial e já é uma tradição na cidade. Dois trios elétricos (um palco e um repetidor) percorreram parte do Centro e do Bucarein, com as bandas locais TDJ e Menos Um, com muita alegria e importantes paradas para oração por nossa cidade.

Uma celebração coletiva e plural, das mais variadas denominações cristãs, numa pacífica expressão de amor e de fé. A Semana também contou com a Campanha Quilo do Amor, com a Conferência Tempo de Glória e com o tour escolar do projeto cultural O Vento.

Marcha para Jesus Joinville 2016 - Foto de Wanessa F. Ferreira Marcha para Jesus Joinville 2016 - Foto de Wanessa F. Ferreira

“Foi a oitava edição da Marcha para Jesus, que já é uma tradição na cidade. A expressão da Igreja é muito maior do que número que está aqui mas, por meio destas 10 mil pessoas da contagem estimada, estão representadas as mais diferentes comunidades cristãs de Joinville; e estamos certos de que esta celebração alegra o coração de Jesus e edifica a Sua Igreja” - Pr. Gilson Siqueira, presidente do Conselho de Pastores de Joinville.

Imagem aérea no início da concentração, Praça Nereu Ramos - por Max Drones Imagem aérea no início da concentração, Praça Nereu Ramos - por Max Drones

Pequena roda de oração pré-Marcha em 29/06 e a mesma praça lotada em 02/07 - fotos de Adalberto Hoepfner e Márcia Siqueira Pequena roda de oração pré-Marcha em 29/06 e a mesma praça lotada em 02/07 - fotos de Adalberto Hoepfner e Márcia Siqueira

Estado laico, nação orando com liberdade de fé

O tema deste ano na Marcha é “feliz a nação cujo Deus é o Senhor”, frase extraída da Bíblia (Salmo 33:12).

O estado brasileiro é laico, embora a nação brasileira seja formada por pessoas de diversas crenças.

A liberdade para expressar publicamente a fé é uma característica de países realmente democráticos, liberdade que está ameaçada por certos movimentos políticos e pela negativa substituição de valores.

“Nós respeitamos a fé ou a ausência de fé de todas as pessoas e neste dia apresentamos publicamente o cristianismo como proposta para uma sociedade mais saudável, como um contraponto a este mundo tão sem esperança; nós acreditamos sinceramente que existe um Deus vivo e que ouve as orações que fazemos em favor de nossas cidades, de nossas autoridades e de nossa população”,explica o Pr. Gilson Siqueira, do CPJ.

Neste ano, a Marcha foi acompanhada por drones - fotos de Zando Orsi e Márcia SiqueiraNeste ano, a Marcha foi acompanhada por drones - fotos de Zando Orsi e Márcia Siqueira



“O país está passando por um momento difícil de luta, mas também de cura e nós oramos para que Deus abençoe grandemente e cure nossa nação; cremos que tudo o que está ocorrendo já é sinal da mão divina e justa do Senhor movendo-se para tirar o aquilo que está errado, aquilo que fere e que rouba nosso Brasil; como Igreja somos agentes de transformação por obras sociais e principalmente devemos agir espiritualmente, intercedendo,completa o Pr. Gilson Siqueira, do CPJ.

Nós cremos no poder da oração e cremos na cura divina

Além de louvor e celebração a Marcha também é momento de oração e de cura. Durante o trajeto foram realizadas pausas na caminhada, para oração pública pela população, pela cidade, pelo país, pelos governantes, pelos enfermos, pelos espiritualmente aflitos e também de ação de graças.

Já desde a Praça Nereu Ramos, pastores se revezaram em oração, acompanhados pelo povo. Mais que o democrático exercício de expressão pública de crença, tais orações, dentro da fé dos que lá estavam são para atender o que disse o próprio Deus, através da Bíblia: “e se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face, e se desviar dos seus maus caminhos, então Eu ouvirei do céu, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra - disse o Senhor através do 2º Livro de Crônicas”, lembrou o Pr. Balduíno Rodrigues.

Neste ano, a Marcha foi acompanhada por drones - fotos de Zando Orsi e Márcia Siqueira Neste ano, a Marcha foi acompanhada por drones - fotos de Zando Orsi e Márcia Siqueira

Perto do Hospital Municipal São José, como já ocorre em todos os anos, foram simbolicamente representadas todas as famílias que sofrem com doenças, que estão no leito de suas casas ou cada um dos hospitais de Joinville. É clamor por cura, que ecoa nos corações de quem tanto precisa.

Orando - cremos que Deus cura - foto de Adriana Cardoso Orando - cremos que Deus cura - foto de Adriana Cardoso

Durante a Marcha, encontramos o Sr. Nilson Custódio Francisco, estampando um largo sorriso ao carregar uma valise e que tratou logo de mostrar o que carrega nela:“carrego sempre a Bíblia Sagrada e os exames médicos do meu neto para testemunhar, inclusive durante as Marchas para Jesus, desde 2012; meu neto não conseguia enxergar e teve os olhos milagrosamente curados pelo Senhor Jesus”.

Sem verba governamental, mas com muita solidariedade

A Marcha para Jesus em Joinville 2016, apesar de ser um evento popular, cultural e artístico envolvendo cerca de dez milhares de pessoas, não contou com nenhuma verba governamental, mas contou com muita solidariedade. O evento é gratuito e os custos são bancados pelos cristãos através de várias Igrejas e do Conselho de Pastores.

Também contribui para a viabilidade do evento o trabalho voluntário de dezenas de pessoas, nas equipes de coordenação, finanças, segurança (diaconato), sonorização, eletricidade, publicidade, imprensa e louvor.

E também contou com o apoio de empresas que doaram recursos financeiros, serviços e materiais para que a Marcha aconteça, sendo justo então, citá-las: - Rádio 107,5 FM, Mercado Brasília, Livraria Evangélica Rema, Faculdades Aupex, Rádio 99,9 Vertical FM, Silkart Serigrafia, Aplicativo Smart Seven e Faculdade de Teologia Refidim.

Testemunho público de um povo que ama a Cristo - foto de Tassiana C. Pereira Testemunho público de um povo que ama a Cristo - foto de Tassiana C. Pereira

“Para nós é uma alegria apoiar a Marcha para Jesus e depois estar aqui, em família e ver que o público está prestigiando não apenas o site que desenvolvemos, mas realmente participando do evento, o que valoriza o nosso trabalho e nos motiva a continuar apoiando nas futuras edições”. Éder Wagner, apoiador (LifeSite / Smart Seven).

Louvor com as bandas TDJ e Menos Um

A caminhada foi uma grande celebração de louvor liderada por duas bandas locais, TDJ e Menos Um, em que foi possível ouvir - e cantar junto com eles - clássicos da música gospel, numa mistura de ritmos que uniram pop, rock, soul e muita alegria.

Conversamos com os músicos no trio elétrico.

A Banda TDJ foi formada por músicos da Igreja do Ev. Quadrangular de Joinville, em 2013 e gravou seu primeiro CD com músicas autorais em 2014. O nome vem das iniciais dos músicos (Tiago, Diego e Johnny).

A banda havia participado da Marcha de 2015 para acompanhar o cantor Billy Ferreira, voltando neste ano para conduzir o primeiro louvor no trio elétrico.

Banda TDJ - foto de Wanessa F. Ferreira Banda TDJ - foto de Wanessa F. Ferreira

A Banda Menos Um nasceu em 2007, com 5 componentes, na Igreja Assembleia de Deus de Joinville e venceu o primeiro concurso regional de bandas em 2011.

O nome Menos Um significa “todos podem te abandonar, menos um, o Senhor”.

Em 2014, expandiu seu ministério para além do louvor incluir ações sociais, hoje conta com 17 componentes, incluindo os irmãos que trazem o metálico toque dos instrumentos de sopro, e se prepara para o lançamento de seu primeiro CD, com um repertório autoral, previsto para meados de 2017.

Banda Menos usemap= Banda Menos Um - foto de Wanessa F. Ferreira

“Às vezes as pessoas acabam perdendo um pouco do foco desta Marcha, que é adorar a Deus e acabam vindo em função deste ou daquele cantor ou grupo de louvor; é muito legal também recebermos artistas de fora mas, é uma percepção muito positiva de que se valoriza a prata da casa e que o povo venha, independente de quem está conduzindo o louvor aqui em cima do trio; somos gratos por esta excelente iniciativa do CPJ.

É uma experiência única, uma alegria para nós da TDJ sermos um canal de adoração, junto com os irmãos de nossa cidade.”
Diego Boeira, da Banda TDJ.

Banda TDJ - foto de Abner Sousa Banda TDJ - foto de Abner Sousa

“Temos que agradecer, em primeiro lugar, pela permissão e pela bênção de Deus, pois dEle tudo depende e ao convite do CPJ. Para nós foi um privilégio e uma grande emoção estar louvando e exaltando o nome de Jesus junto das pessoas de Joinville e estas pessoas é que estão de parabéns por este louvor tão belo. É a primeira vez que a gente toca em cima de um trio elétrico, a Marcha serviu para um crescimento tanto musical quanto espiritual de nossa banda”, Michel de Ávila, banda Menos Um.

“Vivemos num tempo de guerra política, creio que falta aos líderes que nos governam reconhecer que Deus é o Senhor na vida deles também, pra que esse Brasil possa melhorar; é por isso que temos que continuar promovendo estas marchas para Jesus em todo o país”, comenta Michel, acerca do tema deste ano.

Banda Menos Um - foto de Márcia Siqueira Banda Menos Um - foto de Márcia Siqueira

Semana Social e Cultural Evangélica

Além da Marcha para Jesus em Joinville, a Semana contou com outros importantes eventos.

No mesmo dia da Marcha, sábado, aconteceu a Campanha Quilo de Amor, que arrecadou 150 Kg de alimentos, doados pelo povo e repassados pelo CPJ à Comunidade Terapêutica Maná do Céu, instituição cristã de recuperação de dependentes químicos.

 Campanha Quilo do Amor (coleta e entrega) - fotos de Márcia Siqueira e Geison de Freitas. Campanha Quilo do Amor (coleta e entrega) - fotos de Márcia Siqueira e Geison de Freitas.

“Estes alimentos ajudarão nas refeições dos nossos meninos que estão lá na casa de recuperação, por cerca de dois meses e para a glória do Senhor nós agradecemos ao CPJ e a todos que trouxeram seu quilo de amor para doar”, Pr. Geison de Freitas, da Comunidade Terapêutica Maná do Céu.

O público lotou o auditório da Igreja Resgatte, somando cerca de 2.500 participações nas noites de segunda, terça e quarta-feira (27 a 29 de Junho), durante a Conferência Tempo de Glória, um trabalho que já ocorre por 15 anos e já passou por vários países, sob a liderança de três experientes pastores, especialistas em capacitação de líderes - Marcelo Jammal, Djalma Toledo e Luciano Subirá.

Conferência Tempo de Glória em Joinville -  fotos de Márcia Siqueira e Adalberto Hoepfner Conferência Tempo de Glória em Joinville - fotos de Márcia Siqueira e Adalberto Hoepfner

“Nestas três noites estavam reunidas diversas denominações cristãs de Joinville, e o propósito foi atingido, unir a Igreja além das placas e despertar um avivamento espiritual em nossa cidade; os frutos deste despertar vão aparecer, nas próximas semanas, meses e anos em cada comunidade”, Sérgio Luis Santos, facilitador local da Conferência e integrante do Conselho de Pastores.

E repetindo o excelente trabalho do ano passado, aconteceu nesta semana mais uma edição em Joinville do Projeto Cultural O Vento, percorrendo escolas da cidade, mantido pelo produtor cultural Bill Jonnathan e sua equipe, cada apresentação é uma mistura de teatro, música, palestras e testemunhos, conversando com professores e alunos numa linguagem lúdica e impactante. Foram abordados temas como drogas, abusos, família, respeito, juventude e futuro.

O Vento nas Escolas - foto de Adalberto Hoepfner O Vento nas Escolas - foto de Adalberto Hoepfner

Enfim, foi uma semana intensa e abençoada, em que o público cristão participou expressivamente, o que nos faz encerrar apenas agradecendo novamente ao Senhor Jesus, o motivo de marcharmos.



Créditos - Equipe Voluntária de Imprensa

* Coordenação de Imprensa e Reportagem: Charles A. Müller

Produção fotográfica: Zando Orsi, Rafael Wagner, Wanessa Fock Ferreira, Laryssa Aguiar e Abner Sousa.

Fotos também de: Márcia Siqueira, Max Drones, Tassiana C. Pereira, Adriana Cardoso, Adalberto Hoepfner, Geison de Freitas e Rafi Dias.

Publicidade e Divulgação Web: SmartSeven

02/07/2016. © Conselho de Pastores de Joinville. Permitida reprodução desde que citada a fonte, com link para esta página.

Clamando ao Senhor, por Joinville - foto de Abner Sousa. Clamando ao Senhor, por Joinville - foto de Abner Sousa.
Povo de Cristo unido e celebrando - foto de Rafi Dias Povo de Cristo unido e celebrando - foto de Rafi Dias
Quando a Rua do Príncipe ficou pequena - foto de Laryssa Aguiar. Quando a Rua do Príncipe ficou pequena - foto de Laryssa Aguiar.